China: Maior tempestade em mil anos mata pelo menos 25 pessoas

De acordo com as autoridades locais, mais de 100 mil pessoas deixaram suas casas para se abrigar em zonas seguras.

Leilane Teixeira
Veículos presos após forte chuva em Zhengzhou, capital da província de Henan, na China — Foto: Chinatopix
Veículos presos após forte chuva em Zhengzhou, capital da província de Henan, na China — Foto: Chinatopix

 

Ao menos 25 pessoas morreram devido as fortes chuvas e inundações na cidade de Zhengzhou, capital da província de Henan, na região central da China, informou nesta quarta-feira, 21, a agência de notícias estatal Xinhua. Meteorologistas já classificam o caso como as piores chuvas em mil anos.

De acordo com as autoridades locais, citadas pela Xinhua, mais de 100.000 pessoas deixaram suas casas para se abrigar em zonas seguras. As autoridades relataram também que o nível de precipitação acumulada entre as 18h (local, 7h de Brasília) e a meia-noite (13h de Brasília) era de 449 milímetros. Nas 24 horas anteriores, caíram 457,5 milímetros em Zhengzhou, um recorde.

Como a tendência é que as fortes chuvas continuem na região, que representa um importante centro logístico para a China, as Forças Armadas despacharam cerca de 6.000 soldados para reforçar equipes de assistência.

“Eventos climáticos extremos desse tipo provavelmente serão mais frequentes no futuro”, disse Johnny Chan, professor de ciências atmosféricas na Universidade da Cidade de Hong Kong, à agência Reuters. “É preciso que governos desenvolvam estratégias para adaptação a tais mudanças”.

Fonte: Bahia.BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *